O QUE VEREI NO CÉU

morada no ceuNo céu não verei um Cristo crucificado, nem dilacerado, mas verei no trono um Cristo glorificado.

Não verei um Cristo sendo escarnecido e zombado, mas verei no trono um Senhor pelos anjos louvado.

Não verei um Cristo com uma coroa espinhosa,  mas verei no trono um Senhor com a face radiosa.

Não verei um Cristo ao lado de um túmulo chorando, mas verei no céu um Cristo minhas lágrimas enxugando.

Não verei um Cristo que um dia disse: “deixo-vos a paz”, mas verei um Cristo que é a própria paz

Enfim, verei no céu um Salvador me abraçando,  e que por graça na cruz morreu me amando.

Orlando Arraz Maz

 

 

 

Esta entrada foi publicada em POESIAS. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *