meditaçoes bc

Amor pela Casa do Senhor

Igreja em São Tomé e Príncipe

“Uma coisa pedi ao Senhor e a buscarei: que possa morar na Casa do Senhor todos os dias da minha vida, para contemplar a formosura do Senhor e aprender no seu templo. Porque no dia da adversidade me esconderá no seu pavilhão; no oculto do seu tabernáculo me esconderá; por-me-á sobre uma rocha”. (Salmo 27:4,5)

 Que homem especial seria o salmista Davi, autor deste salmo, onde demonstra seu amor pela Casa do Senhor. É bem provável que ainda não reinava sobre Israel e que compôs este salmo por ocasião da sua terceira unção para ser rei ( II Sam.5:4).

 Estava prestes a reinar, e por longos anos aguardou pacientemente por essa ocasião. Entretanto, não duvidou, nem esmoreceu diante das promessas de Deus, pois sabia que Ele  era fiel. E nesses anos de espera, seu amor pelo Senhor e por sua casa aumentava dia a dia.                                                                                                

 Na época de Davi, desde os seus primeiros dias, sabia que Deus se manifestava no tabernáculo, no lugar escondido, onde somente entrava o Sumo Sacerdote. E uma vez na Casa do Senhor sentia uma paz profunda.

 Como vai o seu amor pelo Senhor e por sua casa? Hoje sabemos que Deus se revela em cada um na pessoa do Senhor Jesus Cristo.

 Buscamos a sua casa, e como igreja nos ajuntamos para ter comunhão com Deus e com os nossos irmãos. E como é apreciável nos ajuntarmos como uma família. Parece-nos que estamos abrigados de todo o vento e tempestade quando sentimos o calor de um abraço, o sorriso no rosto de um irmão e uma expressão cordial. Diante de tudo isso, dá vontade de morar na casa do Senhor.

 Que esta seja a minha oração, pois contemplando a face de cada crente vejo refletida a obra da cruz, onde contemplo a formosura do Senhor. E no dia da adversidade, Deus estará por cima e eu estarei seguro na rocha que é Cristo, bem abrigado por ele.

 Amemos cada vez mais nossos irmãos, e que ao findar o domingo   comecemos a sentir saudades deles,desejando vê-los e abraçá-los na próxima reunião.

 Que assim seja.

 Orlando Arraz Maz

orlando

orlando

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Bem vindo!

Deixe seu comentário no final da postagem aqui no blog.

A SENDA DO CRISTÃO

HINOS E CÂNTICOS

O FOLHETO FALANTE

Clique no folheto que abrirá em PDF

Postagens Recentes

FELIZ DIA DAS MÃES

Hoje é um dia bastante especial, portanto, diferente de todos os outros. Esse dia foi instituído para homenagear nossa mãe, e devolver-lhe um pouco do

Leia mais »

O VERDADEIRO NATAL

 “ela dará à luz um filho, a quem chamarás JESUS; porque ele salvará o seu povo dos seus pecados”. (Mateus 1:21). Falar ou escrever sobre

Leia mais »

ESPERANÇA INABALÁVEL

Alegrem-se na esperança, sejam pacientes na tribulação, perseverem na oração. Romanos 12:12 Durante a guerra civil americana, num determinado dia houve um momento de trégua,

Leia mais »

AFLIÇÕES QUE PASSAM

 “Porque para mim tenho por certo que as aflições deste tempo presente não são para comparar com a glória que em nós há de ser

Leia mais »

SONO DE CRIANÇA

Senhor, como se têm multiplicado os meus adversários! São muitos os que se levantam contra mim. Muitos dizem da minha alma: Não há salvação para

Leia mais »