meditaçoes bc

ANO NOVO – NOVAS FORÇAS

Corrida

Uma simples mudança no calendário nos transporta para um novo ano. É como se iniciássemos uma São Silvestre – dá-se o tiro de largada e passamos a correr. A meta é chegar ao último dia do ano. 
 
Entretanto, alguns logo são obrigados a parar: Deus os convocou; outros diminuem os passos e passam a correr lentamente: a doença os atingiu; outros se assentam à beira da pista e, desanimados, veem os outros correr.
 
O cansaço do ser humano faz parte de sua constituição. Cansamo-nos na corrida do dia a dia, das nossas crenças nos políticos, nos desapontamos de amigos que falharam, das promessas não honradas.
 
Mas há algo que deve nos animar: há um que não se cansa:
 
“Não sabes, não ouviste que o eterno Deus, o Senhor, o Criador dos confins da terra, não se cansa nem se fatiga? E inescrutável o seu entendimento”.(Isaias 40:28)
 
Na nossa corrida não nos deixemos abater facilmente, pois há um que entende o nosso cansaço, e está pronto a nos socorrer. 
 
Ele dá força ao cansado, e aumenta as forças ao que não tem nenhum vigor. Isaias (40:29).
 
Portanto, sigamos o conselho que nos vem do próprio Deus, quando inspirava o autor do Livro aos Hebreus. Aos narrar a “corrida” dos heróis da fé no capítulo 11, inicia o capítulo 11 assim:
 
“Portanto, nós também, pois estamos rodeados de tão grande nuvem de testemunhas, deixemos todo embaraço, e o pecado que tão de perto nos rodeia, e corramos com perseverança a carreira que nos está proposta, fitando os olhos em Jesus, autor e consumador da nossa fé, o qual, pelo gozo que lhe está proposto, suportou a cruz, desprezando a ignomínia, e está assentado à direita do trono de Deus”.(vers.1,2)
 
Quando nossos queridos forem chamados e deixarem uma lacuna na corrida, quando nossos olhos forem embaçados pelas lágrimas, quando nossas forças falharem, quando nossos pés doerem, e por todas essas e muitas outras coisas que podem ocorrer durante a corrida, “olhemos para Cristo…aquele que suportou a cruz…que sabe o que é padecer”.
 
“Porque, tendo em vista o que Ele mesmo sofreu quando tentado, ele é capaz de socorrer aqueles que também estão sendo tentados” (Hebreus 2:18).
 
Então, com entusiasmo prossigamos  a  corrida.
 
Que assim seja
 
Orlando Arraz Maz

 

orlandoarraz

orlandoarraz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bem vindo!

Deixe seu comentário no final da postagem aqui no blog.

A SENDA DO CRISTÃO

HINOS E CÂNTICOS

O FOLHETO FALANTE

Clique no folheto que abrirá em PDF

Postagens Recentes

O VERDADEIRO NATAL

 “ela dará à luz um filho, a quem chamarás JESUS; porque ele salvará o seu povo dos seus pecados”. (Mateus 1:21). Falar ou escrever sobre

Leia mais »

ESPERANÇA INABALÁVEL

Alegrem-se na esperança, sejam pacientes na tribulação, perseverem na oração. Romanos 12:12 Durante a guerra civil americana, num determinado dia houve um momento de trégua,

Leia mais »

AFLIÇÕES QUE PASSAM

 “Porque para mim tenho por certo que as aflições deste tempo presente não são para comparar com a glória que em nós há de ser

Leia mais »

SONO DE CRIANÇA

Senhor, como se têm multiplicado os meus adversários! São muitos os que se levantam contra mim. Muitos dizem da minha alma: Não há salvação para

Leia mais »

BANDEIRA DA ESPERANÇA

Nossa esperança está no Senhor; ele é o nosso auxílio   e a nossa proteção. Nele se alegra o nosso coração, pois confiamos no seu

Leia mais »