meditaçoes bc

CABELOS BRANCOS

“Por ti tenho sido sustentado desde o ventre…tu és minha confiança desde a mocidade… agora,também, quando estou velho e de cabelos brancos, não me desampares, ó Deus, até que tenha anunciado a tua força a esta geração,e o teu poder a todos os vindouros”

(Salmo 71)

Meditar neste Salmo é algo notável. Cada versículo apresenta de forma nítida o traçado de uma vida  dirigida pela  mão de Deus que é uma realidade notada desde a fecundação do embrião no ventre,  uma confiança inabalável na mocidade e uma companhia certa na velhice.

 

Quantas vezes surgem desculpas na mocidade e lamúrias na velhice. Coisas assim: “Sou relativamente novo para estas coisas. Ou “já fiz muito e agora preciso descansar, que façam os mais novos”.

 

O salmista ensina que nossa atitude deve ser totalmente diferente.Ele se apresenta  como uma pessoa cheio de vigor, repleto de esperança, embora com  cabelos brancos.

“Mas eu esperarei continuamente e te louvarei cada vez mais” (vers.14). A vida para ele era feita de pedaços de alegria, de ânimo e de coragem. Embora conhecesse suas limitações, depositava total confiança na força do Senhor seu Deus.

 Como tenho encarado meu dia-a-dia? Envergonhado, confesso que muitas vezes  não  agi  como o salmista ensina neste salmo. O aparecimento de cabelos brancos tem sido suficiente para pensar em descanso das tarefas dadas por Deus.

Deus deseja um comportamento totalmente diferente. Ele nos alimenta  desde a infância     e nos equipa  na mocidade, para quando os cabelos brancos chegarem  possamos transmitir um cântico de esperança às novas gerações.

Que os nossos olhos estejam abertos para  contemplação e aprendizado deste salmo. Deus é uma realidade desde antes da nossa formação no ventre materno, e deseja ser o  Deus durante a mocidade, e tê-lo como companheiro inseparável na velhice.

 

O desejo do salmista na sua velhice era prestar um  trabalho anunciando a força de Deus aos seus amigos e o Seu poder às gerações futuras.

 

Não deveria ser este o nosso desejo?  Quer privilégio maior do que anunciar o poder e a força de Deus revelados na pessoa de Jesus Cristo?  “A minha língua falará da tua justiça todo o dia…os meus lábios  exultarão quando eu te cantar,assim como a minha alma que tu remiste…também eu te louvarei com o saltério, bem como a tua verdade, ó meu Deus;cantarei com a harpa, ó Santo de Israel”.

 

Ao concluir, que nossa oração seja dirigida a Deus neste sentido:  ”Muda, Senhor, o meu coração; corrija os meus pensamentos; feche os meus olhos para os meus “cabelos brancos” e abra o meu coração para o vigor da Tua força e que eu cante e conte todas as tuas maravilhas.

 

Que assim seja

Orlando Arraz Maz

orlando

orlando

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bem vindo!

Deixe seu comentário no final da postagem aqui no blog.

A SENDA DO CRISTÃO

HINOS E CÂNTICOS

O FOLHETO FALANTE

Clique no folheto que abrirá em PDF

Postagens Recentes

O VERDADEIRO NATAL

 “ela dará à luz um filho, a quem chamarás JESUS; porque ele salvará o seu povo dos seus pecados”. (Mateus 1:21). Falar ou escrever sobre

Leia mais »

ESPERANÇA INABALÁVEL

Alegrem-se na esperança, sejam pacientes na tribulação, perseverem na oração. Romanos 12:12 Durante a guerra civil americana, num determinado dia houve um momento de trégua,

Leia mais »

AFLIÇÕES QUE PASSAM

 “Porque para mim tenho por certo que as aflições deste tempo presente não são para comparar com a glória que em nós há de ser

Leia mais »

SONO DE CRIANÇA

Senhor, como se têm multiplicado os meus adversários! São muitos os que se levantam contra mim. Muitos dizem da minha alma: Não há salvação para

Leia mais »

BANDEIRA DA ESPERANÇA

Nossa esperança está no Senhor; ele é o nosso auxílio   e a nossa proteção. Nele se alegra o nosso coração, pois confiamos no seu

Leia mais »