meditaçoes bc

DENTRO OU FORA DA CAVERNA?

caverna

“Oh! Provai e vede que o Senhor é bom;

bem-aventurado

 o homem que nele se refugia”. (Salmo 34: 8)

 

 Que salmo encantador!  Os dez primeiros versículos apresentam um poema de louvor e de ações de graças, pela fidelidade do Senhor ao ouvir o clamor dos aflitos.

 “Clamou este aflito e o Senhor o ouviu e o livrou de todas as suas tribulações”

 Davi, autor deste salmo, vive um tempo bastante agitado em sua vida. Foge do rei Saul e busca abrigo junto ao sacerdote Aimeleque, na cidade de Nobe. Mais tarde vai à cidade onde vivia Golias, o gigante morto por ele, finge ser doido, e por fim se instala na caverna de Adulão, onde a ele se juntam cerca de 400 homens, endividados e amargurados de espírito, tornando-se chefe deles.

 Penso que foi no silêncio da caverna, um lugar escuro, onde clamou ao Senhor:

 “Busquei ao Senhor, e ele me respondeu, e de todos os meus temores me livrou”.

 Quantas vezes nos encontramos dentro da “caverna”. Levamos nossos medos, tristezas e frustrações. Não conseguimos deixa-los do lado de fora, porém podemos expulsá-los clamando ao Senhor. 

 Foi exatamente o que fez Davi. E é lamentavelmente o que não fazemos. Entramos na caverna para chorar e nos esquecemos de clamar com fé. Arquitetamos planos, elaboramos cálculos, manipulamos fórmulas, e nos esquecemos do Senhor.  

 Davi através das suas experiências aprendeu buscar e clamar ao Senhor, antes de tomar qualquer passo. Ele pode afirmar com segurança: “Ele me acolheu… respondeu…livrou-me de todos os temores”.

 Davi foi acolhido por Deus qual mãe carinhosa que acolhe o filho nos braços e ouve seus problemas. É nos braços do Senhor que ele quer nos ensinar e nos livrar de todos os nossos temores.

Só assim as decepções podem ser evitadas, lágrimas poupadas e temores banidos.

 Alguma aflição nos perturba? Uma amizade desfeita? Uma dor física? Uma doença incurável?  Busquemos ao Senhor como Davi. Ele sempre está presente querendo manifestar-se com seu poder.

 “Perto está o Senhor dos que tem o coração quebrantado e salva os     contritos de espírito”.  

 As nuvens escuras encobrem o sol no firmamento, mas o sol está sempre presente, mesmo na forte tempestade.

 O Senhor quer nos acolher como fez com Davi, e ouvir dos nossos lábios:

 “Provai e vede que o Senhor é bom”. 

 Que assim seja.

 Orlando Arraz Maz

 

orlandoarraz

orlandoarraz

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bem vindo!

Deixe seu comentário no final da postagem aqui no blog.

A SENDA DO CRISTÃO

HINOS E CÂNTICOS

O FOLHETO FALANTE

Clique no folheto que abrirá em PDF

Postagens Recentes

O VERDADEIRO NATAL

 “ela dará à luz um filho, a quem chamarás JESUS; porque ele salvará o seu povo dos seus pecados”. (Mateus 1:21). Falar ou escrever sobre

Leia mais »

ESPERANÇA INABALÁVEL

Alegrem-se na esperança, sejam pacientes na tribulação, perseverem na oração. Romanos 12:12 Durante a guerra civil americana, num determinado dia houve um momento de trégua,

Leia mais »

AFLIÇÕES QUE PASSAM

 “Porque para mim tenho por certo que as aflições deste tempo presente não são para comparar com a glória que em nós há de ser

Leia mais »

SONO DE CRIANÇA

Senhor, como se têm multiplicado os meus adversários! São muitos os que se levantam contra mim. Muitos dizem da minha alma: Não há salvação para

Leia mais »

BANDEIRA DA ESPERANÇA

Nossa esperança está no Senhor; ele é o nosso auxílio   e a nossa proteção. Nele se alegra o nosso coração, pois confiamos no seu

Leia mais »