MACHADOS QUE FLUTUAM

Pelo relato bíblico parece que Eliseu tinha uma escola de profetas. Todos os alunos estavam animados no aprendizado, mas o espaço para se acomodarem era pequeno. Então resolveram ampliá-lo, e logo se formou um mutirão para cortar lenha, sugestão aprovada pelo profeta. Entretanto, um deles convidou Eliseu para acompanhá-los. E a comitiva partiu à procura de árvores às margens do rio.
Em meio a toda a animação, o que é normal nesse tipo de ajuntamento, ocorreu um imprevisto: o ferro do machado usado por um discípulo se soltou do cabo e mergulhou nas águas do rio. Aflito, gritou pedindo ajuda ao profeta, pois o machado não lhe pertencia. Era emprestado.
De um momento para outro o machado emprestado tornou-se imprestável.
A lição do machado é bem oportuna, como todas as lições extraídas do Livro Sagrado.
Nossa vida é emprestada por Deus, e ao emprestá-la deixou instruções para que seu uso fosse feito de maneira sábia. Mas nossos primeiros pais não souberam usá-la  para a glória de Deus, vindo a desobedecê-lo, e banidos da sua presença tiveram suas vidas mergulhadas nas águas lamacentas do pecado.
O que fazer, então?
O que o incauto discípulo fez? Gritou para o profeta, pois somente ele poderia resolver seu problema. Sabia o lugar onde caíra o machado, mas nada podia fazer. Então, o profeta tomou as providências necessárias: cortou um pedaço de pau, lançou-o na direção onde estava o machado e o milagre aconteceu: o pesado ferro veio à tona contrariando as leis da gravidade. Simplesmente um milagre notável.
Quando o ser humano clamar a Deus lá do fundo do “rio”, na sujeira do pecado, Deus vai apontar a solução: um pedaço de madeira foi cortado e nela foi exposto o corpo do seu Filho, para que todo aquele que nele crer tenha a vida eterna.
 “Então, me invocareis, passareis a orar a mim, e eu vos ouvirei. Buscar-me-eis e me achareis quando me buscardes de todo o vosso coração”.(Jer, 29:12,13) 
Somente assim o milagre de uma nova vida ocorrerá tal como o milagre do machado, contrariando as leis da natureza e da lógica: uma nova vida emergida das profundezas do “rio” tornar-se-á útil nas mãos de Deus e um dia entrará nas mansões celestiais. Quer milagre maior?
Leitura bíblica: II Reis 6:1 a 7

Orlando Arraz Maz

orlando

orlando

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bem vindo!

Deixe seu comentário no final da postagem aqui no blog.

A SENDA DO CRISTÃO

HINOS E CÂNTICOS

O FOLHETO FALANTE

Clique no folheto que abrirá em PDF

Postagens Recentes

BANDEIRA DA ESPERANÇA

Nossa esperança está no Senhor; ele é o nosso auxílio   e a nossa proteção. Nele se alegra o nosso coração, pois confiamos no seu

Leia mais »

TORRE FORTE E INABALÁVEL

Uma homenagem à Casa de Oração de Jardim Botucatu pelos seus 48 anos de atividade. 1973 – 2021  As torres construídas ao longo da história

Leia mais »

BOAS OBRAS NA PANDEMIA

“Ainda que eu dê aos pobres tudo o que possuo e entregue o meu corpo para ser queimado, mas não tiver amor, nada disso me

Leia mais »

UM NOVO VIGOR

  UM NOVO VIGOR Senhor, traga de novo ao coração do crente A comunhão da igreja dos primeiros dias. A conversão sincera, novo andar e

Leia mais »

QUAL O TAMANHO DO SEU SOFRIMENTO?

  Por isso não desanimamos. Embora exteriormente estejamos a desgastar-nos, interiormente estamos sendo renovados dia após dia, pois os nossos sofrimentos leves e momentâneos estão

Leia mais »

O SANGUE QUE ME PURIFICA

“sabendo que não foi com coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados da vossa vã maneira de viver que, por tradição, recebestes dos

Leia mais »