MILAGRES BÍBLICOS – PARA QUE EXISTIRAM?

 

Mar Vermelho

As cenas da abertura do Mar Vermelho nestes últimos dias têm causado muita curiosidade nas pessoas, mesmo naquelas que dão pouco valor às Escrituras Sagradas.  Muitos se admiraram dos recursos da tecnologia, e nem sequer atentaram para as verdades espirituais contidas neste e em todos os demais milagres. Deus sempre quis ensinar lições para todos visando o benefício espiritual.

O milagre do Mar Vermelho tinha uma lição para Faraó e seu exército, que confrontavam as ordens de Deus. Podiam ter obedecido desde a primeira vez e por certo ficariam livres de tantas aflições e por fim a morte.

Quando Jesus multiplicou os pães, um milagre notável, naquela madrugada andou sobre o mar, e seus discípulos ficaram assombrados. Jesus observa que eles não compreenderam o milagre dos pães e tinham o coração endurecido.

Os discípulos esqueceram rapidamente que andar sobre as águas ou multiplicar pães, deveriam levá-los a um pleno conhecimento da grandiosidade de Jesus. Mas não foi isto que Ele viu em seus corações, e sim a falta de fé. (Marcos 6:51,52)

Em cada milagre Deus tem algo para nos ensinar, mas necessário se faz que tenhamos corações desejosos para aprender, e prontos para obedecer.

Na abertura do Mar, o poder de Deus e sua soberania devem ser aceitos sem reservas. Na multiplicação dos pães descobrimos em Cristo sua capacidade para nos alimentar e saciar nossa fome por sua pessoa de forma abundante. Em andar sobre as águas, um que pode nos tirar das profundezas dos nossos pecados e nos dar a vida eterna.

Entretanto, o maior milagre de todos os tempos, inigualável a todos os demais, foi Jesus vir ao mundo, encarnar-se no ventre de Maria, viver como homem, santo e sem pecado, morrer em uma cruz e ao terceiro dia ressuscitar. Quer maior milagre do que este? “Mas Deus dá prova do seu amor para conosco, em que, quando éramos ainda pecadores, Cristo morreu por nós”.(Romanos 8:5)

Que os milagres da Bíblia possam nos impactar e abrir nossos olhos para os avisos de Deus, que desejam avivar nossa fé em seu poder, a fim de que creiamos neles.

Que assim seja.

Orlando Arraz Maz ©

Orlando Arraz Maz

Orlando Arraz Maz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bem vindo!

Deixe seu comentário no final da postagem aqui no blog.

A SENDA DO CRISTÃO

HINOS E CÂNTICOS

O FOLHETO FALANTE

Clique no folheto que abrirá em PDF

Postagens Recentes

BANDEIRA DA ESPERANÇA

Nossa esperança está no Senhor; ele é o nosso auxílio   e a nossa proteção. Nele se alegra o nosso coração, pois confiamos no seu

Leia mais »

TORRE FORTE E INABALÁVEL

Uma homenagem à Casa de Oração de Jardim Botucatu pelos seus 48 anos de atividade. 1973 – 2021  As torres construídas ao longo da história

Leia mais »

BOAS OBRAS NA PANDEMIA

“Ainda que eu dê aos pobres tudo o que possuo e entregue o meu corpo para ser queimado, mas não tiver amor, nada disso me

Leia mais »

UM NOVO VIGOR

  UM NOVO VIGOR Senhor, traga de novo ao coração do crente A comunhão da igreja dos primeiros dias. A conversão sincera, novo andar e

Leia mais »

QUAL O TAMANHO DO SEU SOFRIMENTO?

  Por isso não desanimamos. Embora exteriormente estejamos a desgastar-nos, interiormente estamos sendo renovados dia após dia, pois os nossos sofrimentos leves e momentâneos estão

Leia mais »

O SANGUE QUE ME PURIFICA

“sabendo que não foi com coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados da vossa vã maneira de viver que, por tradição, recebestes dos

Leia mais »