O MARAVILHOSO

Maravilhoso

 

“Tu és o Deus que operas maravilhas”

(Salmo 77: 14)

Um Salvador maravilhoso só pode operar maravilhas.

O profeta Isaías inspirado por Deus, na sua profecia, vaticina que o menino que iria nascer seria chamado “Maravilhoso Conselheiro, Deus Forte, Pai Eterno, Príncipe da Paz”, e que viria a nascer na pequena Efrata, segundo Miqueias:

“E tu, Belém Efrata, posto que pequena entre os milhares de Judá, de ti me sairá o que governará em Israel, e cujas saídas são desde os tempos antigos, desde os dias da eternidade.”

Tanto o Pai como o Filho se mostraram maravilhosos.

No livro de Êxodo, escrito por Moisés, encontramos oito referências sobre as maravilhas de Deus (3:2,20; 4:21;7:3;11:9,10;15:11 e 34:10).

É interessante notar que as maravilhas de Deus estão relacionadas com os seus milagres.

O Livro dos Salmos é o que apresenta maior quantidade de versículos referentes às maravilhas de Deus. Há 150 capítulos e foram escritos por vários poetas, cantores e músicos. Só o rei Davi compôs 108 salmos. Os músicos Asafe, Hemã, Etã Jedutum, Coré e seus filhos compuseram 25 salmos.

Asafe descreve momentos tristes e perturbações em sua vida, afirmando a seguinte lamentação: “Conservas vigilantes os meus olhos; estou tão perturbado que não posso falar”. E após tanta queixa, cai em si, e descobre o cerne do problema: “Isto é minha enfermidade; acaso se mudou a destra do Altíssimo?” Recordarei os feitos do Senhor; sim, me lembrarei das tuas maravilhas da antiguidade.

Ele passa a recordar os feitos poderosos do Senhor e suas obras grandiosas, e exclama do fundo do seu coração “Tu és o Deus que operas maravilhas”.

No ministério de Jesus encontramos maravilhas em seus milagres.  Os principais sacerdotes e escribas invejosos, “Vendo eles as maravilhas que  fizera, e os meninos que clamavam no templo: Hosana ao Filho de Davi, indignaram-se”.

Entretanto, foi na cruz e no sepulcro, onde se concretizaram as maiores e esplendidas maravilhas. Venceu a morte ressuscitando ao terceiro dia.

E há um hino que majestosamente afirma: “No céu, na terra, que maravilhas vai operando o poder do Senhor, mas seu amor aos homens perdidos, das maravilhas é sempre a maior”.

Quantas vezes passamos por períodos de desânimos, apreensões, tristezas, talvez iguais a Asafe, e nos esquecemos de imitá-lo em seu proceder.

Que possamos meditar nas maravilhas do Senhor Jesus em nosso favor. Dentre as incontáveis maravilhas, somos perdoados, amados e salvos eternamente por Jesus. Não são grandiosas?

Que venhamos a cair aos seus pés e exclamar contritos: “Tu és o Deus que operas maravilhas. Eu te louvarei, Senhor, de todo o meu coração; contarei todas as tuas maravilhas”.

Que assim seja

Orlando Arraz Maz

 

 

orlandoarraz

orlandoarraz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bem vindo!

Deixe seu comentário no final da postagem aqui no blog.

A SENDA DO CRISTÃO

HINOS E CÂNTICOS

O FOLHETO FALANTE

Clique no folheto que abrirá em PDF

Postagens Recentes

BANDEIRA DA ESPERANÇA

Nossa esperança está no Senhor; ele é o nosso auxílio   e a nossa proteção. Nele se alegra o nosso coração, pois confiamos no seu

Leia mais »

TORRE FORTE E INABALÁVEL

Uma homenagem à Casa de Oração de Jardim Botucatu pelos seus 48 anos de atividade. 1973 – 2021  As torres construídas ao longo da história

Leia mais »

BOAS OBRAS NA PANDEMIA

“Ainda que eu dê aos pobres tudo o que possuo e entregue o meu corpo para ser queimado, mas não tiver amor, nada disso me

Leia mais »

UM NOVO VIGOR

  UM NOVO VIGOR Senhor, traga de novo ao coração do crente A comunhão da igreja dos primeiros dias. A conversão sincera, novo andar e

Leia mais »

QUAL O TAMANHO DO SEU SOFRIMENTO?

  Por isso não desanimamos. Embora exteriormente estejamos a desgastar-nos, interiormente estamos sendo renovados dia após dia, pois os nossos sofrimentos leves e momentâneos estão

Leia mais »

O SANGUE QUE ME PURIFICA

“sabendo que não foi com coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados da vossa vã maneira de viver que, por tradição, recebestes dos

Leia mais »