PACIÊNCIA ESGOTADA? HÁ SOLUÇÃO.

“Esperei com paciência no Senhor,
e ele se inclinou para mim,
e ouviu o meu clamor” (Salmo 40:1)

A paciência é uma palavra que está escapando de nosso linguajar nestes dias, ameaçados pelo “novo corona vírus”. Embora o medo tenha tomado conta de todos, há uma queixa comum de que se torna difícil o confinamento nas casas. Muitos já perderam a paciência e estão saindo para diversas atividades, outros caminhando com seus animais de estimação, expondo ao perigo suas vidas e as dos que passam por eles.

Entretanto, para os que conhecem a Jesus como Salvador, cuja paciência esteja se esgotando, cansados do confinamento, é tempo de observar a Palavra de Deus com seus ensinos sobre a paciência.

Na Bíblia há muitas citações e exemplos de pessoas que exercitaram a paciência e alcançaram excelentes resultados. O apóstolo Tiago escreve sobre a paciência de Jó mergulhado na mais terrível enfermidade: “Eis que temos por bem aventurados os que sofreram. Ouvistes qual foi a paciência de Jó, e vistes o fim que o Senhor lhe deu; porque o Senhor é muito misericordioso e piedoso” (Tiago 5:11). Claro que o nosso confinamento não se compara com a enfermidade de Jó, entretanto, sua paciência e fé devem servir de exemplo a todos nós. Abraão é outro exemplo, embora negativo, daquele que perdeu a paciência, aceitando a sugestão de sua mulher para unir-se com sua escrava, Hagar, para ter um filho com ela. Não esperou o cumprimento da promessa, embora nunca tenha duvidado. Mas sua precipitação até hoje tem trazido inúmeros conflitos entre árabes e judeus.

Nossa perda de paciência devido ao confinamento dentro de nossas casas, poderá trazer resultados negativos e muita tristeza.

Deus recompensa a nossa paciência, intervindo com frutos desejáveis. Nosso dever é confiar e aguardar o tempo de Deus. Como o lavrador esperava pelas bênçãos das chuvas, assim devemos esperar pela cura total desta pandemia, com o surgimento da vacina produzida no laboratório de Deus. É Ele quem dá a inteligência aos nossos pesquisadores.

Que possamos buscar a misericórdia de Deus, entregar-lhe a nossa falta de paciência, e confiar que no seu tempo cessarão os transtornos causados por esta pandemia.

Façamos nossas as palavras do salmista: “Esperei com paciência no Senhor, e ele se inclinou para mim, e ouviu o meu clamor” (Salmo 40:1)

Que assim seja

Orlando Arraz Maz©

Orlando Arraz Maz

Orlando Arraz Maz

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bem vindo!

Deixe seu comentário no final da postagem aqui no blog.

A SENDA DO CRISTÃO

HINOS E CÂNTICOS

O FOLHETO FALANTE

Clique no folheto que abrirá em PDF

Postagens Recentes

QUAL O TAMANHO DO SEU SOFRIMENTO?

  Por isso não desanimamos. Embora exteriormente estejamos a desgastar-nos, interiormente estamos sendo renovados dia após dia, pois os nossos sofrimentos leves e momentâneos estão

Leia mais »

O SANGUE QUE ME PURIFICA

“sabendo que não foi com coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados da vossa vã maneira de viver que, por tradição, recebestes dos

Leia mais »

O MILAGRE DA OBEDIÊNCIA

“Tendo acabado de falar, disse a Simão: “Vá para onde as águas são mais fundas”, e a todos: “Lancem as redes para a pesca”. Simão

Leia mais »

UMA NOVA VISÃO

Lançando sua capa para o lado, de um salto, pôs-se de pé e dirigiu-se a Jesus” (Marcos 10:50)   Quando Jesus deixava a cidade de

Leia mais »