QUANDO O COLESTEROL É UMA AMEAÇA

27/01/2011
Nunca se falou tanto nestes dias sobre a saúde do ser humano. Em toda a parte encontramos pessoas se esforçando através de exercícios, nas academias, nos parques públicos, e ainda outras contratando profissionais, os chamados “trainings”.

Ainda encontramos aqueles que se esforçam através de regimes, com uma alimentação bem balanceada, e não abandonam a balança, conferindo diariamente seu peso.

 

Por um lado poderíamos afirmar que a vaidade às vezes tem seu lugar, entretanto, outro fator deve ser levado em conta: o temor de doenças e de morte. O ser humano se esforça para adiar esse fantasma que o assombra desde que nasce.

No meio de tudo isto, há os que controlam os níveis do colesterol e triglicérides, e se assustam quando os índices são altos. Além de exercícios, fazem uso de medicações apropriadas, sempre de olho nas batidas do coração.

 

As estatísticas apontam para um grande número de indivíduos, na maior parte obesos e avessos aos exercícios físicos e inimigos de uma alimentação sadia, sem contar aqueles que levam uma vida sedentária.

 

Assim, como os efeitos do colesterol e triglicérides assustam e preocupam os indivíduos, os membros do corpo de Cristo, a igreja, também podem ser vítimas de tais sintomas no âmbito espiritual, e o que é mais lamentável, a preocupação passa de largo.

Sedentarismo: O dicionário assim define este termo: “que vive ordinariamente sentado; que quase não anda nem faz exercício; inativo”.

 

Nunca se viu tanto movimento na igreja, com longas programações, com um louvor exagerado, à base de instrumentos barulhentos, e, pior ainda, com uma mensagem sem qualquer conteúdo espiritual. O ponto alto nesses ajuntamentos é a elevação da voz do pregador, que visa levar os ouvintes a uma histeria total.

 

Entretanto, todo esse movimento não ajuda o corpo de Cristo, a igreja, e assim, o “colesterol” aumenta vertiginosamente. Esse exercício espiritual é totalmente insuficiente, e traz acúmulos de “gorduras espirituais” no organismo da igreja.

 

Um organismo que pretende ser sadio deve praticar o exercício espiritual nos moldes apresentados na Palavra de Deus.

 

O apóstolo Paulo ensina seu filho na fé, Timoteo, a exercitar-se para ser um bom ministro (servo). Na sua primeira carta, (4: 6 a 16), dá instruções precisas: “expondo estas cousas aos irmãos, serás bom ministro de Cristo Jesus, alimentado com as palavras da fé e da boa doutrina que tens seguido”.

 

Paulo deseja que Timoteo saiba que o serviço cristão é uma forma de esforço atlético. E todo atleta deve ter uma comida balanceada, equilibrada, muitas vezes com o acompanhamento de um nutricionista. O versículo 6 apresenta a dieta perfeita para quem quer servir a Cristo – ser nutrido nas palavras de fé e da boa doutrina. O versículo seguinte fala de um exercício, não para modelar o corpo, para torná-lo atraente, mas para desenvolver a piedade, o que é proveitoso para o espírito, alma e corpo, com reflexos para a eternidade.

Uma das causas dos elevados índices de colesterol espiritual é a falta de uma boa doutrina nas igrejas.

Há interpretações erradas das Escrituras favorecendo idéias para um culto agitado, com danças e manifestações da carne, com promessas de uma vida sem traumas e doenças, ou com abundância de bens materiais. É a doutrina despida da unção do Espírito, sem qualquer supedâneo nas Escrituras.

Uma doutrina fraca, ou melhor, uma doutrina totalmente divorciada da revelação divina, produz homens e mulheres fracos, que frente à qualquer prova, caem em depressão profunda e chegam a renegar a fé que professam. É o colesterol elevado que transforma tais pessoas em pobres e miseráveis que mal podem carregar seus fardos.

É tempo de abandonar idéias de que movimentos corporais, quaisquer que sejam eles (danças, quedas ao chão, gargalhadas, vômitos) e milhares de manifestações diabólicas, sejam exercícios de fé e direcionadas pelo Espírito Santo. Não passam de um sedentarismo receitado por Satanás, que ilude suas vítimas supondo sejam eles exercícios espirituais.

O alimento com as palavras da fé e da boa doutrina dá ao colesterol espiritual níveis satisfatórios, eliminando aqueles riscos acidentais e fracassos vergonhosos.

O apóstolo conclui o capítulo (4:16), assim: “Tem cuidado de ti mesmo e da doutrina”. A ordem estabelecida aqui em primeiro lugar é o cuidado de si mesmo e em seguida da doutrina. A vida pessoal de Timoteo era importante e útil em seu ministério; a doutrina, os preceitos de Deus e não de homens, para ser observada e obedecida com fidelidade.

Portanto, há uma saída para os males do colesterol espiritual: eliminar o sedentarismo e abandonar idéias de doutrinas humanas, que alimentam a carne e ativam a circulação espiritual da igreja, e por extensão de seus membros.

Enquanto a agitação predomina dentro das igrejas, Satanás se regozija porque muitas pessoas estão sendo iludidas, acreditando que esta prática é um exercício espiritual, o que não passa de um sedentarismo confortável onde permanecem assentadas e descansando em seus braços.

Que tal uma dieta extraída da Palavra de Deus, uma doutrina sadia e um exercício constante na prática da piedade?

Sem dúvida, o Médico dos Médicos, examinando o coração de cada paciente, humilde, sincero e obediente à luz de sua Palavra, pronunciará seu parecer confortador: índices satisfatórios, sem riscos de ataques ou frustrações.

Orlando Arraz Maz





orlando

orlando

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bem vindo!

Deixe seu comentário no final da postagem aqui no blog.

A SENDA DO CRISTÃO

HINOS E CÂNTICOS

O FOLHETO FALANTE

Clique no folheto que abrirá em PDF

Postagens Recentes

BANDEIRA DA ESPERANÇA

Nossa esperança está no Senhor; ele é o nosso auxílio   e a nossa proteção. Nele se alegra o nosso coração, pois confiamos no seu

Leia mais »

TORRE FORTE E INABALÁVEL

Uma homenagem à Casa de Oração de Jardim Botucatu pelos seus 48 anos de atividade. 1973 – 2021  As torres construídas ao longo da história

Leia mais »

BOAS OBRAS NA PANDEMIA

“Ainda que eu dê aos pobres tudo o que possuo e entregue o meu corpo para ser queimado, mas não tiver amor, nada disso me

Leia mais »

UM NOVO VIGOR

  UM NOVO VIGOR Senhor, traga de novo ao coração do crente A comunhão da igreja dos primeiros dias. A conversão sincera, novo andar e

Leia mais »

QUAL O TAMANHO DO SEU SOFRIMENTO?

  Por isso não desanimamos. Embora exteriormente estejamos a desgastar-nos, interiormente estamos sendo renovados dia após dia, pois os nossos sofrimentos leves e momentâneos estão

Leia mais »

O SANGUE QUE ME PURIFICA

“sabendo que não foi com coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados da vossa vã maneira de viver que, por tradição, recebestes dos

Leia mais »