QUEM TENHO Ó DEUS NO CÉU, AÍ?

A linda origem deste hino: 
“Quem tenho, ó Deus, no céu aí, senão a ti, somente a ti?
E mais ninguém adoro aqui, além de ti, somente a ti.
A rocha deste coração és tu, Senhor e meu quinhão.
Com teu olhar guiar-me-as, e em glória me receberás.”
Há decisões na vida cristã que devem ser tomadas com muita firmeza e oração. O salmista do Antigo Concerto, ao contemplar a prosperidade material dos ímpios e a facilidade com que eles gozavam os prazeres terrenos, chegou a ser levado pelo pensamento de que se estaria esforçando debalde para manter a sua santidade. Chegou mesmo a ficar perturbado, procurando por si mesmo, compreender a razão de tudo isso.

Até que, entrando no santuário do Senhor, pode entender o fim deles! ” Todavia estou de continuo contigo; Tu me seguraste pela minha mão direita!”

Eis como ele se expressou na exclamação do versículo acima: “Quem tenho eu no céu senão a Ti? E na terra não há quem eu deseje além de Ti”.

Essa foi, também, a decisão tomada por um servo de Deus, depois de muita luta por longos anos. Trata-se de Sr. Watchman Nee (1903-1972),  largamente conhecido no meio cristão.

Certa vez, quando ainda jovem, Nee estava lendo as Escrituras e, quando chegou aquele versículo, essas palavras tocaram profundamente o seu coração porque, justamente ele, não podia dizer o mesmo.

Ele gostava de uma menina não cristã de nome Charity Chang.

Ele a conhecia  desde  a infância e encontravam-se frequentemente; os pais de ambos eram bons amigos. 

Nee a amava profundamente. Quando converteu-se a Deus e foi salvo por Cristo, ele desejou profundamente que sua amada fosse também salva.

Envidou todos os esforços no sentido de persuadi-la a confiar no Senhor Jesus, mas de uma maneira estranha a jovem podia ouvi-lo falar sobre qualquer outra coisa, menos sobre Jesus. Toda a vez que ele falava do Senhor, a resposta que recebia não passava de um simples sorriso!

O que o Sr. Nee conta, depois, é algo dramático:

” Eu sentia que meu coração estava tão apaixonado por ela que havia uma luta entre meu Senhor e eu. E não podia abandoná-la. Ela era importante demais para mim”.

E, quando o Senhor lhe falava ao coração, ele chegou a dizer: “Senhor, por favor, não trate desse assunto comigo “. Chegou a sugerir a Deus que lhe deixasse ir pregar o Evangelho em outras partes e fazer outras coisas para servi-Lo, contanto que não tocasse mais no seu amor, nem mencionasse mais o problema de abandonar a amada.

Mas o Senhor queria uma decisão mais firme de sua parte; queria que ele a renunciasse e O servisse em primeiro lugar. Por causa desta luta, Nee perdeu interesse pelos estudos e quase não podia mais orar! Contudo, buscava ainda o Senhor e a plenitude do Seu Espírito, mas não ousava exclamar como o salmista: “Na terra não há quem eu deseje além de Ti. “

Certo dia, devido à obra do Espírito Santo nele, o Sr. Nee teve que se render ao amor de Cristo, pois é um amor tão forte que ultrapassa a todo e qualquer amor humano.

Finalmente confessou diante do Senhor, dizendo; “Senhor, agora estou pronto a renunciá-la.

Depois de dizer adeus ao seu amor terreno, ele foi movido pelo amor de Cristo e escreveu um lindo hino, com dez estrofes, intitulado: “Quem pode calcular?”, cuja primeira estrofe diz assim: “Quem pode calcular / De Deus tão grande amor? / Pois Sua graça transbordou / Em mim, um pecador”.

A sexta estrofe diz assim: “Senhor da graça és Tu ,Consolo tenho em Ti, Não tenho outro que me apraz  No céu além e aqui”.

Ele relembra a ocasião em que escreveu este hino, dizendo: “Naquele  dia tirei meu casaco bonito, vesti  um bem simples. Fui para a cozinha e  preparei um pouco de cola, depois saí pelas ruas com alguns folhetos evangelisticos e colei-os, um a um, nas paredes e distribui também às pessoas que passavam”. Eis o resultado de uma  forte e firme decisão ao lado de Cristo.

Mas a história não finda aqui. Como Abraão, do passado,  Watchn Nee ofereceu o seu Isaque sobre o altar,e o Senhor graciosamente o devolveu!

Alguns anos mais tarde a Srta. Chi converteu-se a Cristo e foi  salva e tornou-se a esposa de Nee!…

Quando renunciamos às coisas do  mundo e colocamos o Senhor em primeiro lugar, o Senhor nos dá “todas as demais cosas”.

Em “Hinos e Cânticos” temos um hino semelhante, cuja letra e música é do saudoso irmão Kenneth Leslie Cox, acima transcrito.

Salmo 73:24-26
Hinos e Cânticos nº 169
 Transcrito de “Histórico dos Hinos” de Edgard de Almeida

orlando

orlando

One Response

  1. Que preciosidade!
    Que testemunho! Que benção!
    deus continue te abençoando para pesquisar e publicar sobre estes preciosos heróis da fé. Abraço.Tonico

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bem vindo!

Deixe seu comentário no final da postagem aqui no blog.

A SENDA DO CRISTÃO

HINOS E CÂNTICOS

O FOLHETO FALANTE

Clique no folheto que abrirá em PDF

Postagens Recentes

BANDEIRA DA ESPERANÇA

Nossa esperança está no Senhor; ele é o nosso auxílio   e a nossa proteção. Nele se alegra o nosso coração, pois confiamos no seu

Leia mais »

TORRE FORTE E INABALÁVEL

Uma homenagem à Casa de Oração de Jardim Botucatu pelos seus 48 anos de atividade. 1973 – 2021  As torres construídas ao longo da história

Leia mais »

BOAS OBRAS NA PANDEMIA

“Ainda que eu dê aos pobres tudo o que possuo e entregue o meu corpo para ser queimado, mas não tiver amor, nada disso me

Leia mais »

UM NOVO VIGOR

  UM NOVO VIGOR Senhor, traga de novo ao coração do crente A comunhão da igreja dos primeiros dias. A conversão sincera, novo andar e

Leia mais »

QUAL O TAMANHO DO SEU SOFRIMENTO?

  Por isso não desanimamos. Embora exteriormente estejamos a desgastar-nos, interiormente estamos sendo renovados dia após dia, pois os nossos sofrimentos leves e momentâneos estão

Leia mais »

O SANGUE QUE ME PURIFICA

“sabendo que não foi com coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados da vossa vã maneira de viver que, por tradição, recebestes dos

Leia mais »